Dicas para ententer crianças presas em casa
De Jean-Claude Alphen
Difícil dizer qual dos livros da editora Pulo do Gato é meu preferido, mas este aqui foi pro topo da lista. Tem tudo que um livro infantil precisa para ser maravilhoso, é divertido, tem frescor nos traços e trata de questões importantes para a infância. O problema de gostar muito de um livro é escolher as imagens que vou mostrar, sempre coloco mais do que deveria (mas sem spoiler).
Papai é super, sai todos os dias para trabalhar, voando! Mamãe também sai mas vai de carro e antes, leva o menino na escola. 

Às vezes, é ele que vai as reuniões de pais.
Um dia papai super fez uma surpresa, buscou o menino na escola e depois almoçou em casa com ele e a mamãe.
Uma manhã papai não conseguiu levantar da cama. O menino não conseguia entender como super-heróis podiam ficar doentes ou em casa, de férias. 
Algo estava acontecendo na casa. A mamãe não almoçava mais com ele, nem o buscava na escola. Quem o colocava no banho e lia seu livro preferido era o papai.
Um livro sobre a dinâmica das famílias e como as mudanças são percebidas pelos pequenos. Sobre o papel dos pais na criação dos filhos. Ótimo para abordar rupturas e renovações.

De Renato Moriconi, editora Pulo do Gato.


O autor nos conta a lenda que ronda uma montanha. Uma jovem foi obrigada a se casar com alguém que não amava, para fugir do seu destino foi se esconder numa montanha de difícil acesso.
Dizem que a camada branca que cobre a montanha é o véu da noiva.

Muitos começaram a tentar escalar a montanha por achar que tocando no véu, seriam felizes no amor. Como muitos morreram tentando a nova lenda era que a noiva amaldiçoava quem se aproximasse. Um alfaiate porém, se encantou com o tecido branco e mesmo sendo avisado dos perigos que corria decidiu escalar e ver de perto o véu. Porém uma desatenção mudou toda a história do alfaiate!!!

Com muitas referências ao cinema, o livro é um dos finalistas do Prêmio Jabuti!!!

Recebemos uma caixa de presentes muito fofos aqui no blog pelo dia da criança. Os produtos da NUK são os que escolhemos por serem livres de BPA, importados da Alemanha e terem durabilidade superior (ainda tenho o primeiro copo de transição que comprei para meu baby 2 aos atrás, antes da parceria, só troquei o bico de silicone). 
Vou mostrar os mimos um a um.

Gift Set NUK
Um Gift Set composto por Pelúcia de atividades e Copo My First.
Móbile de atividades Corujinha Lilly

O divertido móbile possui chocalho, mordedor, espelho, além de cores alegres e diferentes texturas para ajudar no desenvolvimento e coordenação do seu filho através do estímulo dos sentidos. Vem com clip para prender em qualquer lugar.
Copo antivazamento 200 ml

  • - Possui bebedor em silicone supermacio com formato ideal para auxiliar a transição da mamadeira para o copo;
  • - Bebedor em silicone possui formato ideal para auxiliar a transição da mamadeira para o copo;
  • - NUK Air System: Sistema de saída de ar que abre e fecha instantaneamente a cada sucção. Proporciona à criança maior conforto durante a
  • alimentação através da redução da ingestão de ar, pois evita a formação de bolhas e promove uma alimentação contínua;
  • - As alças adequadas para as mãozinhas das crianças possuem inclinação que oferecem maior conforto, segurança e facilidade na hora de
  • segurar o copo;
  • - Sistema Seal Z one garante a vedação total do copo;
  • - Gargalo extra largo facilita o preparo do alimento e a limpeza do frasco;
  • - Frasco em material super-resistente oferece segurança contra quebra.

Mordedor Cooling & Massage

• Para massagear e resfriar a gengiva;
• Pode ser refrigerado;
• Promove o alívio imediato no local do desconforto;
• Relevos que proporcionam a massagem suave;
• Diferentes cores e texturas que estimulam o tato e a visão.

Kit de Treinamento

Composto por duas escovas massageadoras que ajudam os pais na tarefa de massagear a gengiva do bebê durante a fase de dentição, além de servirem como treinamento do início da limpeza dos primeiros dentinhos. O kit, indicado para bebês de seis a quinze meses, traz um item essencial para a segurança da criança: anel protetor, que pode ser usado por ambas as escovas. Ele evita que o pequeno introduza o acessório na boca de forma inadequada e se machuque.

Conheça as escovas que compõem o kit:
  • Cleaning Trainer: auxilia os pais na limpeza dos primeiros dentinhos. Suas saliências emborrachadas ao redor de toda a cabeça do acessório, promove efeito massageador na parte superior e inferior da gengiva do bebê, aliviando a pressão que o nascimento dos primeiros dentes causa.
  • Brushing Trainer: o acessório, em formato “raquete”, lembra uma escova e é ideal para as mamães iniciarem o treinamento da limpeza dos primeiros dentinhos. A cabeça pequena se adapta a boca delicada do bebê e as saliências emborrachadas promovem uma massagem suave e alívio da pressão durante a dentição.


Todos os itens são de material plástico, Livre de PVC. 

Aspirador Nasal

Com formato anatômico exclusivo, totalmente adaptável ao nariz dos bebês, o Aspirador Nasal NUK possui ponteira flexível e macia em TPE (termoplástico elastômero), que impede ferimentos no nariz da criança.

Eficiente na aspiração nasal, o produto possui um reservatório sob a tampa para o muco, além de formato ergonômico e antiderrapante. Higiênico, pode ser inteiro desmontado para limpeza.

Termômetro de banheira

Pensando na segurança dos bebês durante o banho, a NUK oferece o Termômetro para uso em banheiras com óleo de canola, que não põe em risco a saúde dos pequenos, além de ser confeccionado com plástico inquebrável, prevenindo acidentes. Possui escala de temperatura com medidas exatas para o bebê (37ºC/98,6ºF).

Vêm com desenhos estilizados de peixinhos, algas marinhas, estrelas do mar e conchas que transformam o banho numa verdadeira festa.


Obrigada meninas da NUK e da VISAR, adoramos!!!!
Aqui em casa temos dois bichinhos de estimação o Bacon e a Loba. E quando um desaparece das nossas vistas, todo mundo sai correndo e gritando atrás!

 BICHINHO DE ESTIMAÇÃO de Edméa Campbells e ilustrações de Cris Eich, da coleção Livros Divertidos. Série Cadê? das Paulinas.

A gente entende o Potrinho. Ele estava muito triste!

A amiga Vaca logo veio ver o motivo do choro. Ele havia perdido seu bichinho de estimação. Mas sabe como são os amigos, né?

Lá foi a Vaca animá-lo e ajudá-lo a procurar.

Mas como é mesmo seu bichinho de estimação?
O Potrinho vai descrevendo "É grande, mas é pequeno", e como recebe a negativa da amiga, partem pra perguntar pros outros animais que vivem no campo também. Cada um pergunta uma coisa diferente, para tentar identificar o bichinho perdido:
Voa? Come fubá?
Vira uma história acumulativa.

E os animais seguem juntos pra tentar descobrir este mistério!

O texto tem poucas palavras, frases curtas e diálogos divertidos. As ilustrações são grandes, lindas e coloridas.  Um encanto de livro que fala de amizade e ajuda ao próximo.

Mas onde será que está este bichinho de estimação?
Minha mãe vem nos visitar e acabamos fazendo um monte de coisas gostosas pra comer.
Como estou em tratamento, não posso comer um monte de coisas como leite, farinha branca. Então hoje fizemos esse bolo

Ganhei esta penca de bananas (estava cheia quando ganhei) da @casadeleitores. É a melhor banana que já comi na vida! Sério! Minha mãe também amou.

Ingredientes:
6 bananas maduras
2 xícaras de flocos de aveia
1/2 xícara de uvas passas
4 ovos
1/2 xícara de óleo de coco (ou azeite de oliva ou de soja)
2 colheres de sopa de fermento
1 colher de sopa de canela

No liquidificador:

4 bananas, ovos, óleo até virar uma massa homogênea. Depois acrescentar (ainda batendo no liquidificador) as passas, aveia e canela.

Bater um pouquinho mais.

Pré aquecer o forno em 180°C. Untar a forma.
Colocar a massa. Cortar as 2 bananas que sobraram em rodelas e colocar em cima da massa. Polvilhar mais canela e açúcar, se você quiser.

Assar por 35-40 minutos.

Delícia!
Prontinho!
Lá no Rio Grande do Sul, é batata: Domingo tem que ter salada de maionese feita em casa!

Desculpe, mas a melhor do mundo é da minha mãe!
E agora ela descobriu uma nova receita, bem mais rápida e só com ovos cozidos (já que está me visitando em Brasília e no calor do deserto escaldante é até perigoso usar ovos crus).

A primeira coisa é lavar as batatas e cozinhá-las na água até você poder espetá-las com uma faca ou garfo e ele entrar macio, sem pressão. Cozinhar junto das batatas 3 ovos grandes (lavados).

Escorrer a água e tirar a casca. Cortar em 4 ou 6 pedaços cada ou do tamanho que você preferir.

Tirar a casca dos ovos também.

Num liquidificador colocar:

3 ovos cozidos
Meio limão Sisciliano*
1/4 xícara de azeite de oliva (ou óleo de coco ou óleo de soja)
1 colher de sobremesa de mostarda da sua preferência (aqui usamos a Heinz)

Bater mostarda, ovos e limão até virar uma mistura homogênea e (ainda batendo no liquidificador) vá colocando o azeite ou óleo aos poucos (como um filete). Se você achar que não está muito molhadinha, basta colocar algumas gotas de vinagre (usamos o de vinho) até ela ficar como você gosta.

Despejar nas batatas.
Misturar.

E deixar na geladeira pra gelar. Quem quiser pode ainda acrescentar mais um ovo na receita pra depois da maionese já pronta picar e colocar junto com as batatas, e depois colocar a maionese. 
Minha mãe coloca na dela cenouras cozidas picadas, pedacinhos de tomate e também temperinho verde. Mas daí, minhas kids não comem. 
Mas fica a dica!

Ah! Dura até 3 dias dias na geladeira. Mas duvido que dure tanto. Aqui não dura!
Bom apetite!

*caso você não possa usar limão, podes substituí-lo pelo vinagre. Mesma quantidade.
Chega o dia em que as kids crescem e não querem mais livros com apenas uma frase por página, ou com ilustrações gigantes e pouco texto. Eles querem livros mais grossos (como os mais velhos), com mais texto e mais história.

Aí entram os livros de transição.

Aqui vou mostrar como são os livros que você pode escolher para seu filho/aluno/neto, para ele continuar a querer ler, sempre mais e mais.

 São livros que ainda tem figuras,

porém em muitos destes livros a cor (quase) que some.

As ilustrações agora são mais em preto e branco,

grandes as vezes, ocupam uma página inteira, outras,

brincam com o texto,

que é escrito com diversas fontes diferentes e (na maioria das vezes) maiores. Isto ajuda muito na dinâmica da leitura. Facilita, cria pausas e ajuda as kids a entenderem/absorverem as palavras de uma melhor forma.

Exploram muito o humor. As fontes diferentes e as ilustrações que invadem o texto ajudam a exagerar as cenas engraçadas.

São livros onde a história é contada em capítulos.
Capítulos curtos para a criança que está começando a ler sozinha, possa ter pausas maiores. Se cansar, pode parar e ler a próxima etapa da história, mais tarde ou no outro dia.


Quando as kids começaram a ler livros sozinhos, precisavam ler um capítulo por dia, no minimo. Depois quando via, estavam quase acabando o livro no primeiro dia, de tanto que gostavam da história. Sem eu pedir. 

Escrevi este post para ajudar as mães a procurarem livros adequados a fase que a criança está. Não adianta pular para um livro muito complexo. Muitas vezes isto pode frustrar a criança.
Estes livros de transição são livros grossinhos e a criança acaba logo (em função da letra grande e ilustrações) e fica super orgulhosa de ter lido sozinha um livro grande. E assim passa, toda orgulhosa, pro próximo livro.

Vamos mostrar alguns dos livros que mostramos aqui no post (outros estão na lista, lá no final do post, com os links):

BABÁ DE DRAGÃO - A ILHA de Josh Lacey e ilustrações de Garry Parsons, editora Escarlate.

O este é o terceiro livro da série. Eduardo Smith-Pickle troca e-mails com seu tio Morton, pois precisa novamente tomar conta dos dragões dele. Desta vez Edu e sua família passam uma temporada na casa do tio, numa ilha na costa da Escócia, e precisam lidar não apenas com 

Arthur e Ziggy, mas também com a existência de outro animal exótico na região…adivinha qual é o animal diferente e misteriosos que vive na Escócia? 
Um prato cheio pras kids que adoram dragões e outros tipos de monstros. 

OS PIORES PIRRALHOS DO MUNDO de David Walliams e ilustrações de Tony Ross.
Editora Intríseca.

 Todos temos versões lights destas kids em casa. São dez histórias muito engraçadas sobre crianças que possuem algum comportamento exageradamente "errado" como o Garoto-piolho, que ele quer ser um super heróis pra atacar os professores 

(e não deixa ninguém chegar perto do cabelo dele), a Sofia Sofá que basicamente virou parte da mobília de tanto ver TV 

ou Suzie Imunda que de tanto produzir lixo e não tomar banho, vê seu lixo ganhar vida e aí é tarde demais. As ilustrações são suuuper divertidas e interagem o tempo todo com o texto.

Não fique com medo, é muito improvável que teu filho comece a se transformar num dos pirralhos. O livro que usa o humor pra questionar os comportamentos infantis. Muito divertido.

 FELIZMENTE, O LEITE de Neil Gaiman e ilustrações divertidíssimas de Skottie Young.
Divertido, ricamente ilustrado e maluco. Ótimo pra hora de dormir. Para crianças de todas as idades (para as bem pequenas os pais vão lendo em pedaços). Leitura super rápida.

Uma mãe viaja e faz muitas recomendações pro pai (que não houve nada - normal).
Quando as kids vão tomar café da manhã, não tem leite.

O pai sai pra comprar leite pros filhos e demooooora.
A crianças ficam esperando, esperando, esperando e quando o pai finalmente chega com o leite,

conta uma baita história louca.
Mentira? Verdade? Só vai saber quem ler! Da Editora Rocco.

 O CHUPA-ERROS DE ORTOGRAFIA de Éric Sanvoisin e Olivier Ltyk. Coleção Draculivro. Editora Martins Fontes.

Draculivro proíbe o sobrinho, Odilon, de chegar perto dos erros de ortografia.
Uma concordância verbal errada, uma crase mal colocada, um letra troca, pode dar a maior indigestão. Então, nem pensar!

Mas o guri foca nos erros de qualquer jeito, que diz serem deliciosos. Porém, o tio Draculivro esconde um grande segredo...
Divertido. As ilustrações também são ótimas.

JUDY MOODY SALVA O MUNDO! de Megan McDonald e ilustrações de Peter H. Reynolds. Editora Salamandra.

Esta personagem tem uma série de livros só dela, o irmão dela, também, que são os livros do Chiclete (um está na lista lá me baixo), e,de vez em quando, os dois aparecem nas histórias juntos (principalmente em especiais de Natal, Páscoa, etc...).

Judy Moody é uma guria muito sabida e criativa que adora inventar ideias para salvar o mundo.
Estas ideias começam a surgir depois de uma aula de ciências.
Judy está aprendendo muito sobre o meio ambiente, a destruição das florestas e os animais ameaçados de extinção. E também descobriu que sua família precisa aprender a reciclar.

LAMBIDAS, ROSNADOS E MORDIDAS de Tony Brandão e ilustrações de Eduardo Medeiros. Editora Panda Books.
 O livro traz a história de Zeca e Vitória e seus cachorros Julieta e Zé. Os dois estão enfrentando alguns problemas financeiros em casa. E os pais das duas crianças querem dar os cachorros para outras famílias cuidarem. Mas a dupla não concorda com isso. 

Resolvem arregaçar as mangas e bolar um plano bom pra cachorro!

Um tema super atual: Como a internet pode sim ser um bom lugar para desenvolver grandes ideias e também trabalha as questões de crise econômica (com as famílias tendo que reavaliar seus gastos) e ainda chama atenção para 

a responsabilidade de se ter um animais de estimação.

A GAROTA GOTIC E O FANTASMA DE UM RATO de Chris Riddell, editora Galera Junior.

O livro é sobre a solitária Ada Gotic. Ada Gotic é filha de um poeta, escritor chamado Lorde Gotic. Os dois moram no Palácio Sinistro com muitos criados e alguns fantasmas. Ela é muito sozinha, não tem amigos.
Bem, isso até ela achar um rato fantasma chamado, Ishmael Bigodes.
Ele vai tentar ajuda-lá a desvendar um grande mistério:

O que Malavesso (o serviçal do palácio) estava tramando para a Caçada Interna.

A mãe de Ada morreu quando ela ainda era um bebê. A mãe, era equilibrista. Uma noite, no meio de uma tempestade, andava em uma corda bamba nas chaminés ornamentais do palácio, até um raio cair ali perto, balançando a corda e fazendo-a cair das alturas.
Lord Goth acredita que as crianças devem ser ouvidas e não vistas, então Ada tem que usar botas grossas para que ele sempre possa ouvi-la chegar. A história de Ada é estranha, mas incrivelmente atraente. 
 A história é repleta de referências à literatura clássica, contos góticos e personagens de ficção e históricos, a maioria os leitores mirins não irão perceber/conhecer, até mais tarde. O que torna a obra divertida para os pais, que por ventura queiram ler com suas kids. 
A Ceci diz que você não consegue parar de ler. É cheia de humor e aventura.

Ada teve 6 cuidadoras (até uma que era uma vampira e lhe ensinou esgrima de guarda-chuva, outra que lhe ensinou canções em francês, como tricotar e como construir uma barricada resistente e mais outra que lhe mostrou como fazer uma máquina de cortar as cabeças das bonecas, por exemplo).

O livro é lindo. A capa tem detalhes em prata e brilho. A diagramação interna e o layout das páginas fascinam as crianças. Parece um livro para crianças maiores (e elas amam isso). As ilustrações são ricamente desenhadas, temos vontade de passar horas descobrindo todos os detalhes. 
Amamos o trabalho do Chris Riddell. A Gatota Gotic é uma das séries dele, mas só há dois livros traduzidos para o português. 
Citamos na lista abaixo, a outra coleção dele, Otolina, que tem menos texto, mas é tão excelente, quanto esta. E foi a primeira que fisgou a Ceci.  

Nossa edição favorita da Pippi Meialonga, da autora Astrid Lindgren. É da Companhia das Letrinhas. Um livro grande cheeeeio de ilustrações da Lauren Child.

A guria vive sozinha, tem muita força (levanta até um cavalo), muito sapeca e independente também. Não se deixa abater. Super criativa e com cada tirada de dar nó em pingo d´água!. As gurias leitoras piram com a história e com a personagem!

 Foi o primeiro livro "grande" que a Ceci leu. A gente acha só uma pena as outras histórias da Pippi não ganharem uma edição tão linda quanto essa. 

 E olha a capa (toda esfolada e manchada)! Ele foi daqueles livros companheiros de todas as horas: ia na mochila, no carro, no colo... Onde a gente ia, o livro ia (apesar de grosso, ela sempre queria levá-lo junto pra ler e mostrar pros amigos). 

 Fica a dica.


Vou deixar aqui mais sugestões de outros livros que já lemos aqui no blog (e que a Ceci e o Cássio adoraram):

RABISCO E BORRÃO - FORA DA CAIXA E TUDO BEM, ZECA?  (um livro quadrinhos, prar kids pequenas)
BABÁ DE DRAGÃO - DECOLANDO
VOCÊ É UM HOMEM MAU, SR. GUM! (Cássio amou)
O CHUPA-TINTA (Ceci ama)
VULGAR, O VIKING E O SHOW DE TALENTOS TENEBROSO
OTOLINA (Ceci ama)
AGATHA PARROT
O DOMINGO TROCADO
RUIM PRA CACHORRO
A BOLSA AMARELA (Cássio amou)
OS BANDEIRA-PIRATAS E O GALEÃO ASSOMBRADO (Ceci ama)
OS BANDEIRA-PIRATAS E A CAVERNA DA PERDIÇÃO
CHICLETE E A GRANDE LUTA DOS POLEGARES
CAPITÃO CUECA 2 (Ceci ama)
CAPITÃO CUECA 3
TUDO É PERIGOSO
MABEL JONES
EU, LILI E O RESTO DO MUNDO
MALALA (Ceci ama)
AS AULAS DO PROFESSOR..., MORTOS DA FAMA, SABER HORRÍVEL (Cássio ama)
OS CAÇADORES DE FANTASMAS E A ASSOMBRAÇÃO DE FOGO 
OS IMAGINÁRIOS (Eu amei)
O GAROTO SUPER NUGGET
QUEM MATOU O SACI?
DIÁRIO DE UM BANANA 10 (Mas todos da coleção são ótimos)
COELHO 13 E O OLHO QUE TUDO VÊ (Ceci ama)

Se precisar de mais indicações, temos um moooonte! AQUI tem uma lista de livros de trasição, também.  É só deixar um comentário no post. :)
Boa leitura!