Dicas para ententer crianças presas em casa

Livros para empoderar meninas (terceira parte)


Vamos dar continuidade as resenhas de livros para desconstruir a imagem que é passada para as meninas.
HISTÓRIAS DE NINAR PARA GAROTAS REBELDES - 100 FÁBULAS SOBRE MULHERES EXTRAORDINÁRIAS de Elena Favilli e Francesca Cavallo, com diversas ilustradoras diferentes, da V&R Editoras. 
Aquele tipo de livro MUSTA HAVE na sua bilioteca.
Ceci está encantada com esse livro.

 Ela começa a ler sobre várias mulheres, de várias nacionalidades diferentes e corre pro Google, para saber mais. Hoje levou-o pra escola, para mostrar para as amigas que PRECISAM lê-lo também.

 No final tem espaço pra guria escrever a sua própria biografia e fazer um auto-retrato. Legal, né?!
E o mais interessante é que fala sobre também sobre gurias comuns que tiveram ideias maravilhosas para ajudarem o próximo. Recheado de bons exemplos de como ser forte, não desistir apesar do que dizem pra você e sempre lutar por aquilo que se acredita.  
Compramos na Amazon em promoção, no dia do consumidor. Suuuuper recomendamos para TODAS as crianças. 
Na escola estudam a história, (nos didáticos não há nada sobre elas) mas apagam as mulheres. Esse tipo de publicação ajuda no resgate delas.
Biografias de uma página e uma ilustração da mulher em questão, por diferentes artistas, mais uma frase importante dita por ela. Leitura rápida para atiçar a curiosidade.


Na mesma linha que o livro acima, só que em inglês:

WOMEN IN SCIENCE - 50 FEARLESS PIONEERS WHO CHANGED THE WORLD de Rachel Ignotofsky. Fala da história de 50 mulheres cientistas (e mais algumas pq no final do livro há uma listinha com mais nomes)

que mudaram nossas vidas de um jeito ou outro. 

Comemora Mostra as contribuições científicas brilhantes das mulheres da Hypatia à moderna Maryam Mirzakhani. "As mulheres neste livro tiveram que lutar contra esses estereótipos para terem as carreiras que eles queriam. Eles quebraram as regras, publicadas sob pseudônimos, e trabalharam para o amor de aprender sozinho. 

Quando os outros duvidavam de suas habilidades, tinham de acreditar em si mesmos... A criatividade, a persistência e o amor à descoberta eram as melhores ferramentas que essas mulheres tinham. " 

Agora fala a verdade: quantas mulheres cientistas você consegue citar de cabeça? Marie Curie e quantas mais? Te peguei, né? Da Ten Speed Press.


Outro livro muiiito legal é CHAPEUZINHO ESFARRAPADO - E OUTROS CONTOS FEMINISTAS DO FOLCLORE MUNDIAL de Ethel Johnston Phelps (Org.), com tradução de Julia Romeu e ilustrações de Bárbara Malagoli

Clique AQUI, para ver o post completo do livro.


Outro livro interessante é
VIOLETA PARRA de coleção ANTIPRINCESAS #2, de Nadia Fink e Pitu Saá, editora  Sur (Chirimbote).

Ela era compositora, cantora e artista plástica chilena, considerada a mais importante folclorista e fundadora da música popular chilena. Lutou muito pelo reconhecimento do folclore chileno no seu país e no mundo.


Aqui em casa amamos as músicas dela.

Ela foi internacionalmente reconhecida ainda em vida, viajou o mundo. Mas não ganhou muito dinheiro. Inclusive era muito pobre.

Além de música fazia cerâmica,  e fazia painéis bordados lindos. Embora uma excelente artista, sempre colocou a arte como prioridade e não foi uma boa mãe, inclusive numa turnê em Paris, recebeu a notícia que sua filha tinha morrido de pneumonia.

Ela é um exemplo de mulher que lutou muito pelos seus sonhos e pelo seu país. Violeta pode ser considerada a 'mãe' da canção política que luta pelos oprimidos e explorados, da música em prol de uma revolução, em prol do povo.

Para ouvi-la cantar, clique AQUI.

Os outros dois posts da nossa série para empoderar meninas:
POST 1 e POST 2.

0 comentários:

Postar um comentário

Oi. Bom te ver por aqui! Responderemos o mais breve possível. :)