Dicas para ententer crianças presas em casa

Vídeo ajuda pais a falarem sobre ABUSO SEXUAL #nãofecheosolhos

Eita assunto delicado!
 Cada vez mais cedo as crianças estão ficando longe dos pais: vão para creche, ficam com babás, ficam com parentes, pois os pais precisam trabalhar.
Como proteger as crianças? Como falar sobre abusos com elas?
Desde que o Cássio começou a ir para escola (3 anos), eu já o advertia: 
* Se alguém (qualquer pessoa) falar pra ti que não é pra contar pra mãe (sobre qualquer coisa), chega em casa e conta pra mim.
* Ninguém pode entrar contigo no banheiro, a não ser que seja a professora "Fulana" ou a auxiliar "Ciclana" (as duas responsáveis pela sala de aula que ele estava - fui e mostrei pra ele e falei isso NA FRENTE DELAS).
* Ninguém pode mexer nas tuas partes íntimas, nem tirar tua roupa, nem pedir pra você tirar a roupa.
* Se tiver alguma dúvida sobre o comportamento de alguém: GRITE!

E olha que esses conselhos funcionaram, até bem de mais. Quando a professora dizia não conta pra mãe, por exemplo, que vamos fazer uma surpresa de Dia das Mães, ele corria pra casa e me contava! :)

Voltando...

É muito difícil falar de abuso, principalmente com crianças pequenas, por na não falamos ainda nem sobre sexo com elas.
Esses dias recebi um vídeo que achei bem explicativo para crianças sobre o assunto, sem falar em sexo, mas alertando que cada um tem um radar interno, que pode perceber quando estão fazendo coisas errada com a gente. Achei muito interessante a abordagem e vou compartilhar com vocês:
video

Se acharem o vídeo educativo, mostrem para as crianças. É bom elas estarem alertas e saberem que nem todo mundo é bonzinho.
O mal pode vir de onde menos esperamos!

Outro perigo é das crianças serem roubadas ou raptadas para a exploração sexual.
Outro vídeo que indico mostrarem para as crianças:
video
Geralmente Joe Salads faz vídeos de humor, mas esse ele fez para chamar atenção dos pais!
Filmando com uma câmera escondida, o Joe mostra para os pais que é só ter um cão pequeno para seduzir  uma criança. A experiência social acontece numa pracinha onde Joe começa falando com as mães. Inicialmente, ele pergunta se seus filhos aprenderam bem a não falar com estranhos. Com a permissão da mãe, ele chega na criança para verificar se ela realmente aprendeu esta regra. A maioria dos pais acreditam que seu filho não vai responder a Joe. Porém não é o que acontece! Dentro de instantes, com sorrisos e a presença de um pequeno cachorrinho um há um vínculo e a confiança (inocente) é estabelecida entre adultos e crianças. Sem esforço ou violência, meninas e meninos dão as mãos para Joe e são levadas para irem ver outros cachorros. Os pais ficam em estado de choque. Como é fácil enganar uma criança!
Fica o alerta e o vídeo. 
Mostrem para as crianças. Pode não ser um cachorro, pode ser balas, gatos, balões, etc... as crianças precisam estar preparadas!

0 comentários:

Postar um comentário

Oi. Bom te ver por aqui! Responderemos o mais breve possível. :)