O ESTRANHO CASO DO SONO PERDIDO de Míriam Leitão

O ESTRANHO CASO DO SONO PERDIDO de Míriam Leitão e ilustrações e Fran Junqueira, da Rocco Pequenos Leitores.

Uma relação que amooo. Acho super fofa, é a relação da Cecília com as avós. É um grude só.

E como a vó da história, as da Ceci, não moram na mesma cidade que a gente, vêm quando podem, apressadas, ficam poucos dias e já somem de novo, para seus muito compromissos. E também, a Ceci sempre pede pra dormir com elas, pra aproveitar tooodas as horas que pode com elas.

A vó chega apressada com malas, computador, maquiagem, celular pra fica uns dias com a neta e pede pra dormir no mesmo quarto.

Só que na hora de dormir, a neta já está deitada e pronta, mas a vó continua a revirar a mala em busca de algo.
A guria fica curiosa e bocejando pergunta o que pra vó, o que ela tanto procura?
A vó diz que não pode dormir com seu próprio sono, por que ele some. As vezes, ele vem, fica um pouco e depois vai embora.
Então a neta diz pra ela pensar em um jeito pra buscá-lo, mas a vó rebate que perdeu a imaginação.

Pobre vó! A neta fica aflita e resolve ajudá-la a reencontrar as duas coisas.

Essa história é um encontro de duas gerações, ligadas pelo afeto. viajando pelo universo da imaginação infantil em busca de soluções para problemas adultos.

Um livro fofo. Super recomendamos.

Comentários

Veja também

Mostrar mais