Livros Sobre Bullying {Post III}

Neste post falaremos de livros com dicas e textos  sobre bullying, vida em sociedade e na escola.

Recebemos DESCONFORME-SE UM ALERTA PARA O JOVEM DO SÉCULO 21,

da editora Thomas Nelson Brasil o livro foi escrito por Richarde Guerra

e mostra pro jovem como ele NÃO deve aceitar tudo que vê por aí. Um livro com abordagem cristã.

O mundo está tão louco que o jovem tem razão em se revoltar, mas leia para ver os motivos reais para se mobilizar.

E não desperdiçar a juventudes com raivas e brigas que não levam a nada.


 ASSERTIVIDADE NA ADOLESCÊNCIA - EXPRESSANDO DESAGRADO E RECUSANDO PEDIDOS de Shirley Simeão e Ludmila Rodrigues. Da editora Sinopsys (@sinopsys).

A fase de teenager é punk para uma grande parcela das crianças. São muitas emoções, hormônios, tudo é muito intenso. Como os jovens devem agir?

Com cautela e discernimento. Esse livro que recomendo pra pré-teens, mostra situações do dia a dia que todos enfrentam e dá uma luz de como acertar nas escolhas.

 Coisas muito importantes: saber dizer SIM e saber dizer NÃO. O livro é curtinho e fácil de ler.


DESLEXICANDO de Marina Miyazaki Araujo e projeto gráfico e ilustrações de Tony de Marco. Quando falamos sobre as diferenças entre livro ilustrado e livro com ilustrações, uma mãe nos contou que seu filho tem Dislexia e por isso é mais fácil dele compreender a história, num livro com ilustrações pois o texto fala mais ou menos (literalmente) o que as ilustrações também mostram. As imagens auxiliam na leitura do texto. Pensando nisso fui procurar nas minhas estantes um livro sobre Dislexia que eu tenho. Esse da foto.

 Não tem praticamente ilustrações e é um livro pra tweens e teens. A escritora, que também sofre disso. E o barato é que ela escreveu o texto para que as pessoas entendam como o cérebro do disléxico funciona. 

 Por isso ele começa com um aviso e instruções para ler o livro. Você vai encontrar parágrafos repetidos, palavras repetidas, parágrafos bagunçados, alguns "errinhos", letras trocadas e invertidas e quadradinhos explicando significado de algumas palavras.

O livro está escrito do jeito que a maioria dos disléxicos escrevem. E mostra que a Dislexia é uma parte da vida de muitas pessoas, mas nem por isso elas podem ser definidas como só sendo dislexicas e ponto. 
E até pras pessoas NÃO praticarem bullying contra quem tem mais dificuldade de aprender (na escola tuuudo vira motivo de gozação).

Deu pra entender? Adoro o livro e super recomendo para pais e professores (tipo: pra se colocar no lugar da criança e realmente entender o problema). 
Da editora Pólen (que tem me surpreendido com excelentes livros).


POR QUE DEVEMOS COMBATER O BULLYING?: CRIANÇAS ENTENDENDO O QUE É E COMO SE COMBATE de Luciana Tisser e Rogéria Leal Renz. Editora Sinopsys.

Sinopse:
Segundo a Lei 13.185, sancionada em 6 de novembro de 2015, as escolas são obrigadas a adotarem medidas de prevenção e combate ao bullying, determinando que seja feita capacitação de docentes e equipes pedagógicas. 

Essas medidas visam implementar ações de prevenção e solução dos problemas, assim com orientar pais e familiares para identificar vítimas e agressores. Considerando a demanda sobre esse assunto e o texto da lei, este livro, que desenvolve um conteúdo informativo e educativo, 


busca contemplar de forma lúdica as determinações da nova lei, fornecendo uma ferramenta significativa para as escolas, professores e pais na identificação e no combate ao bullying, orientando o público infantil sobre o tema. Com várias perguntas e espaço para as crianças completarem. 


O QUE É CERTO E O QUE É ERRADO? de Lisa O. Engelhardt. Assunto: Boas maneiras Coleção: Terapia Infantil da PAULUS Editora.

Este livro é daquele informativos, que rendem muitas conversas.

Sinopse:
As crianças não nascem sabendo o que é certo e o que é errado. Mas de alguma forma, com o passar dos anos, nossa expectativa é poder ajudá-las a se tornarem adultos prudentes, responsáveis e


respeitáveis. Este prático livro de ensinamento para crianças é uma ferramenta inestimável ao guiá-las na jornada do desenvolvimento moral. Por meio de uma linguagem concreta e de exemplos

interativos, este livro trata tais tópicos de maneira honesta e mostra como distinguir o certo do errado. Faz até mesmo mais, ao mostrar às crianças como ir além fazendo sempre o bem.


RESISTINDO À PRESSÃO DOS COLEGAS- Um guia para ser você de verdade - de Jim Auer. Da Coleção: Terapia Infantil. Assunto: Fidelidade aos princípios. Da PAULUS Editora.

 Comprei o livro quando as kids começaram acom aquele papo: "Mas todo mundo faz!" "Mas todo mundo tem!"

Sinopse:

Esperar ser aceito pelos colegas é parte natural do desenvolvimento social das crianças. Mas algumas podem ser excessivamente influenciadas por aquilo que seus amigos pensam ou esperam delas. Por meio de uma linguagem simples e ilustrações bonitinhas mostra o que é a pressão dos colegas.

Ele encoraja a criança a desenvolver um sólido senso de autoestima, perimitindo-lhe dizer "não" quando necessário. Este modo de ajudá-las

fará com que se sintam fortalecidas em suas próprias convicções e prontas para

resistir à pressão dos colegas.


UFA! VOU SOBREVIVER A ESCOLA... de Karin Kampweerth. Editora Melhoramentos.

 Um livro com várias dicas pra teens.

 E tem algumas dicas sobre Bulling, como enfrentar, como pedir ajuda.

O que se pode fazer para tornar a vida escolar mais interessante? Este livro apresenta dicas para incrementar estudos, melhorar notas e ganhar pontos com os pais.
Idade recomendada: a partir de 12 anos.


COMO SOBREVIVER NA ESCOLA de Roland Beller e Bernardette Costa-Prades, editora Rocco Jovens Leitores.

Em linguagem leve e acessível, com ilustrações divertidas e ao mesmo tempo expressam bem o que os teens sentem.

Ele é um guia repleto de soluções inteligentes e bem-humoradas para que alunos e alunas possam passar, mostrando que isso pode acontecer com qualquer um, sem quaisquer sobressaltos,

pela época do colégio, que ocupa a maior parte de nossas vidas antes de virarmos adultos,

mostrando como aproveitar bem esta fase de aprendizado e crescimento.
Com dicas práticas de como resolver problemas de coisas que realmente incomodam as crianças.
Idade Mínima Recomendada: 11 Anos

Para ver outros livros sobre BULLYING, clique AQUIAQUI.

Comentários

Veja também

Mostrar mais