SING - Quem canta seus males espanta (cinema, eu indico)


Ontem conseguimos finalmente ir ao cinema em família com o Lucas. Foi um desafio, pois ele dorme cedo, mas o filme era tão bem cotado que não dava pra perder (e ainda por cima ganhamos ingressos para a pré-estreia). Valeu muito a pena!!! Sing é engraçado e emocionante!!!!!!
A história gira em torno do teatro de Buster Moon que está prestes a fechar por conta das dívidas. Tem um toque de nostalgia, relembrando os tempos áureos da cultura do entretenimento com seus teatros fora dos shoppings. Nos faz lembrar que o valor das pessoas ultrapassa as instituições e que a união supera qualquer desafio.
Produção impecável, 3D daqueles que fazem esquecer que estamos numa animação e músicas maravilhosas. Dá vontade de sair do cinema cantando e dançando. Até o papai ficou empolgado!
Uma injeção de ânimo para o final de um 2016 nebuloso.


"Com direção de Garth Jennings e produção de Chris Meledandri e Janet Healy, o longa conta a história de Buster Moon, um coala que está prestes a ver seu teatro ir a falência. Para salvá-lo, ele decide criar um concurso musical com o intuito de alavancar seu amado teatro. Entre os participantes do concurso estão um rato, uma elefanta com pânico de palco, uma mãe que cuida de uma ninhada de 25 leitões, um gorila gângster, um porco animado com sotaque interessante e um porco-espinho fêmea que curte punk-rock. “Sing – Quem Canta Seus Males Espanta” estreia em 22 de dezembro nos cinemas brasileiros."
A versão nacional conta com a participação da Sandy, Wanessa Camargo, Mariana Ximenes, Marcelo Serrado e Fiuk.
Aqui o trailer do filme

Comentários

Veja também

Mostrar mais