A mulher que falava pára-choquês, Editora Panda Books

Você já leu frases escritas no para-choque de caminhão?
Quando você está viajando de carro nas rodovias, já ficou atento ao para-choque, curioso, para saber o que tinha escrito?
"A mulher que falava pára-choquês", de Marcelo Duarte, ilustrações de Fábio Seroi, pela Editora Panda Books.
O escritor Marcelo Duarte revelou uma particularidade da sua infância, de quando ele viajava todas as férias para o interior paulista. Ia visitar parentes em Monte Alto, terra natal de sua mãe. A viagem, a bordo de Fusca 66 vermelho, não era das mais confortáveis. Ele e os dois irmãos viajavam no banco de trás, procurando achar alguma coisa para fazer as cinco longas horas passarem mais depressa. Mas era só aparecer um rebanho de vacas ou cavalos e a competição era interrompida. Um queria somar 35 pontos, mas outro garantia que não havia ali mais do que 26 vacas. A mãe se virava, dava uma bronca e o concurso estava encerrado.
Diversão como esta, muitos de nós já vivemos, e, este livro é um convite para que nossos filhos também despertem o desejo de brincar da mesma forma quando estiverem viajando de carro.
Que tal? Crianças viajando curtindo esta dinâmica, sem fazer uso somente de tablet, celular, fone com músicas? Vale a brincadeira, Vale a diversão e as muitas risadas.
Também, vale aqui, a reflexão.
O livro narra a história da personagem Dirce.
 Ela trabalhava como cobradora de pedágio e para matar o tempo, começou a anotar frases de pára-choques de caminhão. Anota tudo, e sempre lia todas elas para os amigos.
Depois de um tempo, ela só conseguia se comunicar usando as tais frases.
Com quem falasse no trabalho, na rua, em casa, até no momento romântico com o namorado, ela sempre falava uma frase de para-choque.

Todos os momentos importantes na sua vida, como o casamento, nascimento dos filhos, Dirce sempre falava uma frase pára-choquês.

Então ela se tornou uma celebridade.
 Todos queriam a conhecer de perto.
Até que um dia um novo episódio mudou tudo na vida dela.
O que será que aconteceu?

É um livro divertido, com ilustrações incríveis.
Vale a pena conferir.
 LANCHE CRIATIVO
Vocês sabem que no nosso projeto, todos as nossas atividades infantis com livro proporcionam BOA LEITURA, e junto com elas, desenvolvemos um lanche criativo, para curtir com BOM APETITE.
Alguns fatores possibilitam que ainda consigamos realizar mais outras atividades lúdicas no mesmo dia.
Isto depende do tempo disponível, porque a elaboração do lanche, algumas vezes, demanda mais tempo do que planejávamos.


Eu já contei a vocês aqui, que alguns lanches foram criados em nossas oficinas por decisões unânimes das crianças.
Mas, outros lanches, com tantas opiniões diferentes delas, geram escolhas variadas.
Esta é a hora de conduzir as escolhas com paciência, ouvir de cada criança o motivo da sua escolha, e muitas vezes, constatar que alguns pequenos já exercem suas características de liderança.

INGREDIENTES
Nosso lanche criativo hoje apresenta os seguintes alimentos:
queijo minas
melancia
manga
uvas
Destaque aqui para uma das frutas, a manga que compramos na feirinha esta semana, com aroma maravilhoso e doce para nenhuma criança colocar defeito.
Aqui em Brasília a culinária regional é mista, praticamente reunindo hábitos alimentares que são levados a mesa em varias regiões.
Mas, a influencia do Goiás e de Minas Gerais é forte, facilmente achamos e compramos pela cidade, ótimos queijo minas e polvilho também. Ou seja, toda criança brasiliense sabe o que é pão de queijo. E, dificilmente uma delas não sabe o que é queijo minas, ou, não reconhece este sabor.
Neste LANCHE CRIATIVO de caminhão, o queijo também foi devorado rapidinho, foi o primeiro a ocupar a barriguinha das crianças.


Sou apaixonada pelo que faço, também apaixonada pela literatura infantil, porém, mais ainda, sou apaixonada por todos os elementos que envolvem a infância.
Hoje conseguimos também brincar com peças e encaixes.


E a produção final foi este grande, colorido, e lindo caminhão, com objetivo de reunir na brincadeira todos os amiguinhos e seguirem no carro para o mesmo destino.


Ah! Vocês podem estar se perguntando, sobre a frase escolhida para o para-choque deste caminhão.
Eu respondo a vocês, não teve somente uma, foram todas estas!


DICA

Interessados para conhecer este livro, segue a dica para os que moram em Brasília.
Este livro e muitos outros livros infantis maravilhosos encontram-se disponível para empréstimo na Biblioteca Pública Infantil na 104/304 Sul, de Brasília -DF.
Funciona de segunda-feira a sexta-feira das 9h às 18h.
Telefone de contato: 061. 3901 1541

Veja também

Mostrar mais