Sling Fast Fular - Anidar



Desde o início da gestação do Lucas, pesquisei sobre as vantagens do método canguru, principalmente durante o período da extero-gestação (do nascimento aos 3 meses). Pela técnica, o bebê permanece a maior parte do tempo colado na barriga da mãe com o uso de carregadores de tecido, os slings. A prática favorece o desenvolvimento do bebê porque mantem a temperatura estável, ajuda na respiração, acalma e facilita a amamentação. Além de todas as vantagens para o bebê, permite que a mãe fique com as mãos livres para fazer as tarefas de casa, trabalhar ou passear com segurança.

Conheci o Fast Fular quando o Lucas tinha quase um ano (na época já usava o wrap sling que é um tecido de 6 a 7 metros) e achei o carregador da Anidar muito mais prático de colocar e tirar. Por isso foi o escolhido para presentear a minha irmã quando chegou o Arthur, meu afilhadinho. Na foto, Carol e o Arthur com menos de um mês dormindo aninhadinho no Fast Fular.
A grande vantagem deste modelo é proporcionar o conforto do wrap sling, podendo ser usado desde o nascimento, e ser mais prático que o canguru tradicional (é como vestir uma peça de roupa).
Os slings são confeccionados em malha de algodão com alças em dry fit que deixam o carregador mais fresquinho.
Nas fotos abaixo podemos ver a posição básica (e sua rápida colocação). Nas outras fotos, duas das posições possíveis conforme a idade do bebê.

Posição básica



Bebê que já senta



Bebê recém nascido



O Fast Fular, por ser ajustado ao corpo, é feito em vários tamanhos; P, M, G e GG. Você pode conferir suas medidas neste link.

Além do Fast Fular, a Anidar confecciona outros modelos: 
Hamaka 

Mochila Ergonômica 

Argolla 


Sobre a Anidar
Anidar significa aninhar e essa é a proposta da empresa ajudar mamães, papais e cuidadores a oferecer aconchego aos seus bebês.
A Anidar é uma empresa materna, da amiga querida que a maternidade me trouxe, Carolina Rubio. Ela dedica ao projeto o mesmo carinho que dá aos seus pequenos, Felipe e Sara.
Você pode tirar dúvidas e acompanhar a Anidar pela página do Facebook neste link.

Comentários

Veja também

Mostrar mais