O POLVOCÃO

Recebemos esse livro suuper divertido, meses atrás, da Distribuidora parceira, CASA DE LIVROS.
 
O POLVOCÃO de Martin McKenna. Editora Saber e Ler.

O menino sonha em ganhar um cachorro de aniversário, mas não é bem isso que ele ganha... Imagina ganhar um polvo!
Ele coloca na cabeça que vai torná-lo um cachorro. E começa dar uma série de aulas para o polvo. Porém, esse sempre SUPER as expectativas, mas não de um jeito positivo. O guri começa a ficar com raiva (enquanto o leitor ri muito das ilustrações).

Mas como o polvo não consegue agradar seu dono, por mais que se esforce, ele decide ir embora e só aí que o guri se dá conta de como  o polvo era maravilhoso! Será que é tarde de mais para recuperar o amigo?

Texto super divertido e as ilustrações mais ainda!

Nós tínhamos um plano, fazer um capacete/fantasia de polvo para a Pérola.

Aqui está o desenho da Ceci. E como ela estava fazendo sozinha,



Não conseguiu terminar a tempo, da cachorrinha usar. A Pérola faleceu antes (há uma semana), infelizmente.

E sabe que a história da Pérola começou mais ou menos como a do Polvocão.

Cecília queria muiiiito uma ovelha. Muito mesmo. Me pedia toda hora.
Um dia meus sogros estavam indo nos visitar (eles moravam em SC e nós no RS) e no meio dos carros na BR 101, tinha um cachorro correndo (no mesmo sentido dos carros). Meu sogro passou-o , foi pro acostamento, parou o carro e começou a chamar o bicho pra ele sair do meio dos carros. Quando o bicho viu a porta do carro aberta, correu e sentou atrás no banco. Olhando bem pra frente, sem olhar pra ninguém como diz, ok, podemos seguir, já estou acomodada.
Minha sogra tomou isso como um sinal divino, que eles deveriam ficar com o animal. Levaram num pet e descobriram que se tratava de uma fêmea com uma queimadura grande nas costas. E após limpa e de estômago cheio,  

constataram que parecia uma ovelha.

Vê se não parece um pelego de ovelha!??!?

Claro que não aceitei. 
Íamos nos mudar para um apê pequeno, numa cidade pequena. Eu já tinha dois filhos pra cuidar, não queria mais um bicho sobre a minha responsabilidade. Por que todo mundo sabe que a família toda quer, mas a MÃE é que, no final das contas, tem que limpar o cocô, o xixi e o vômito! 

Mas como todo mundo sabe também, MÃES não conseguem resistir aos apelos dos filhos! hehehe... 

E então, a Pérola veio morar conosco. De SC para Viamão (RS), 

para Jaguarão (RS). Começou a se interessar pela nossa rotina de livros e brincadeiras.

E quando viemos pra Brasília (DF), ela veio de avião junto!


Ela foi uma super companheira! Ganhou até medalha da Ceci de melhor cachorra do mundo!

Voltando ao livro...
Ele fala de que nem sempre recebemos aquilo que esperamos, não temos como mudar muitas coisas, muitas vezes não depende de nós, mas que devemos aproveitar bem as bênçãos que recebemos como amigos, família... E até coisas como estudo, carreira, bens materiais. Tudo isso são formas de aprendizado, para nos tornarmos pessoas melhores, mais tolerantes, mais gentis, mais fortes, mas humanos. 
Muitas vezes não nos damos conta de como temos sorte de ter por perto pessoas e animais tão especiais. É perdendo a companhia que nos damos conta de como eram importantes. Então, ´bora aproveitar e abraçar todo mundo hoje!
Suuuper recomendo!
Boa leitura!


Comentários

Veja também

Mostrar mais