Não se esqueça de Paris

 Que tal um livro gostoso para as mães (e pais e avós) lerem nestas férias?

Tudo começa com uma carta. Não com um email, mas uma carta escrita a mão. Nos dias de hoje isso é tão raro que chamou a atenção do famoso escritor Jackson Cooper, cinquentão, que após a publicação de vários best-sellers está enfrentando um branco, uma crise criativa.

Quem escreveu pra ele foi Eve Pethwork,  uma inglesa que decide escrever uma carta para Jackson, seu autor preferido, elogiando uma cena em um de seus livros. Ela é super insegura, vive quase que trancada em casa, já que tem pânico de lugares públicos e de gente.  Ela tem mais de 40 anos. E agora sua ansiedade só têm aumentado: sua única filha vai casar e apesar do relacionamento sempre distante das duas, a filha quer que a mãe a ajude nos preparativos do casamento. Isto quer dizer: sair de casa e interagir com amigos, parentes e muita gente desconhecida.

 Os dois começam a trocar cartas e quando descobrem que os dois são apaixonados por culinária, trocam além de conselhos, receitas, temperos e dicas de comidas. 

Apesar de viverem em continentes diferentes, dos problemas pessoais de cada um e das histórias de vida, Cooper resolve marcar um encontro em Paris: "a Meca da gastronomia – e dos amantes."
Será que Eve conseguirá deixar seus medos de lado e ir encontrar seu (agora) amigo e escritor favorito? Será que Jackson conseguirá sair da crise criativa e pessoal e escrever mais um best-seller?
Não conto, mas o final não era o que eu esperava! Mas terminamos com um sorriso nos lábios e o coração aquecido! ;)
 Na sinopse oficial fala ainda:
"Não se esqueça de Paris mostra que todos têm uma chance de ser feliz, independente da idade, da distância e dos próprios fantasmas.
Considerado “Absolutamente perfeito”, pelo The New York Times e com os direitos para o cinema vendidos para a BBC, Não se esqueça de Paris mistura cartas, gastronomia e uma narrativa leve e repleta de sentimentos." Louca pra ver como vai ser o filme!

 Um livro que fala sobre medos, escolhas de vida, relacionamento mãe-filha-avó, amizade, expectativas, culinária, relacionamento homem-mulher, casamento e separação, abandono, crises,  livros e cartas.
 E tem outra coisa: No final há receitas que foram trocada nas cartas! :)

Comentários

Veja também

Mostrar mais