Dicas para ententer crianças presas em casa

Você não vem brincar?

Boa noite!
Feriadão e Semana Mundial do Brincar passaram, mas a vontade de brincar não passa, não é mesmo?
Como você brinca com teus kids? Teus alunos?

 
VOCÊ NÃO VEM BRINCAR? de Ilan Brenman e ilustrações de Carlo Giovani. Editora Brinque-book.

É uma história super atual. Que retrata essa geração de crianças, meio que zumbis, que ficam sempre na frente de um dispositivo eletrônico.

 Todo mundo quer brincar com o Pedro.

 Todos os amigos chamam o Pedro pra brincar.

Não importa a brincadeira. Todo mundo quer brincar com o Pedro...

 Mas ele sempre já está brincando...

 Sozinho.

 Sozinho.
Será que o Pedro não vê, que brincar com os outros é muito mais legal?  

Falando nisso...
Outro dia, eu e minha sogra fomos comprar um veneno pra cupim. Fomos numa loja que vende só esse tipo de produto. Na entrada da loja o filho do vendendo, que não devia ter mais que 4 anos, estava jogando um joguinho no celular do pai. Demos oi, perguntamos o nome dele (pra ele), passamos a mão na frente do rosto dele, e nada do guri se mexer (a não ser os dedões). Juro que parecia um robô. Nada de "Boa tarde", nada de responder pro próprio pai... ele simplesmente não estava ali, quer dizer o corpo estava, mas ele não. Eu podia, se quisesse levar o guri embora, ele não ia nem perceber, só quando faltasse pilha ou bateria no negócio!

E cada vez mais vejo esse tipo de criança: que não espera, que não fala, que não interage, que grita e xinga e chora, menos se você deixá-la ficar com um telefone, ou tablet ou coisa do tipo.

E nas escolas isso reflete muito. Muita falta de atenção, falta de concentração,  falta de paciência pra saber esperar e falta de comunicação até.

 Aqui em casa tem tempo pra tudo. Podem ficar no computador ou games, nos finais de semana e um certo tempo. Não podem usar na mesa, nem em restaurantes. Durante a semana só podem usar o computador pra trabalho da escola. E mesmo assim, depois de lerem um capítulo de um livro, ou um livro inteiro, se for curto.


E também amamos, aqui, fazer coisas com restos de outras coisas. Como é o caso das ilustrações do livro: feitas com caixinhas, papeis, texturas... A Ceci ficou louca pra fazer uma amiga pra brincar com o Pedro.
Pegou um rolinho de papel higiênico.

Desenhou uma menina.

Usando tesoura e canetinhas...

Fez uma guria que até a Pérola gostou!

Tipo o amigo do Pedro.

video
Aqui um vídeo de como ela balança pra frente e pra trás de verdade! Ou pelo menos era essa a nssa intenção, até a Pérola pegar e levar embora! Hehehe!

Adoramos. Ótimo pra começar a discussão do assunto em casa e na sala de aula. Será que não estamos criando crianças alienadas? 
Fica a dica de leitura!

0 comentários:

Postar um comentário

Oi. Bom te ver por aqui! Responderemos o mais breve possível. :)